JURA EM PROSA E VERSO

 

 

TRABALHOS MAÇÔNICOS

 

 

Os Principais Ritos Da Maçonaria

 

 

 Praticados No Brasil

 

 

 

Yassin Taha

 

 

 

 

 

A Maçonaria divide-se num certo número de Ritos que diferem entre si por alguns detalhes particulares (BOUCHER, 1997).

E é nos rituais que se pode encontrar a expressão da tradição, bem como as formas de transmissão que asseguram a filiação iniciática (LEPAGE, 1997). O Rito Maçônico é o alicerce ou a espinha dorsal da Maçonaria, em qualquer de suas ramificações. Há Ritos que possuem uma estrutura mais complexa de liturgia, simbolismo e ritualística, enquanto outros são bastante simples (CARVALHO, 1993a). Os Ritos ou procedimentos ritualísticos são métodos utilizados para a transmissão dos ensinamentos e organização das cerimônias maçônicas, que são sempre praticadas em locais apropriados. Seja de que Rito for um maçom é considerado irmão de todos os demais maçons do planeta. Entre os principais ritos, destacam-se: Rito Escocês Antigo e Aceito, Rito de York, Rito de Schröder, Rito Moderno, Rito Brasileiro e Rito Adonhiramita.

Atualmente, são praticados mais de 200 ritos, sendo que o Rito de York e o Rito Escocês Antigo e Aceito são os mais utilizados no mundo.

Há também outros ritos maçônicos, menos comuns, que se destacam por abordagens mais esotéricas e espiritualistas.

Estre esses, está o Rito Misraim e também o Rito de Memphis (SANTOS, S. D., 1984a). Em todos os países onde está instalada, a Maçonaria utiliza um sistema de graus para transmitir seus ensinamentos aos iniciados, sendo isso feito por meio de símbolos, gestos e palavras. Assim é que também se pode dizer que a Revista Intellectus  Maçonaria é um sistema peculiar de Moral, oculto por alegorias e ilustrado por símbolos.

A Maçonaria compreende três graus simbólicos: Aprendiz, Companheiro e Mestre. Esses três primeiros graus são obrigatórios e estão previstos nos chamados Landmarks da Ordem. Dependendo do rito adotado, há um conjunto de outros graus de aperfeiçoamento, denominados Graus Filosóficos, em geral de caráter optativo. O número de graus superiores pode ser maior ou menor, variando de um rito para outro.

O Rito Escocês Antigo e Aceito, por exemplo, prevê um sistema com 33 graus; já no Rito de York, são apenas 13. A Tabela 1 ilustra o sistema de Graus dos vários Ritos praticados no Brasil. Ritos praticados no Brasil e seus Graus Rito Maçônico Sistema:

 

Rito Escocês Antigo e Aceito 33 graus

Rito Brasileiro 33 graus 

Rito de Emulação ou de York 3 ou 13 graus

Rito de Schröder 3 graus

Rito Moderno 7 graus

Rito Adonhiramita 33 graus

Rito Escocês Retificado 9 graus

 

Yassin Taha

Deputado Federal GOB

Loja Perseverança 0159